Data: 17/10/2013

Strada 2014 passa a contar com versão 3 portas e nós já comprovamos as vantagens do novo mecanismo

Por: LICINÁIRA BARROSO, da Ilha de Comandatuba (BA)*

Exclusiva da picape cabine dupla, nas versões Working, Trekking e Adventure, a terceira porta tem como principal vantagem a maior área de acesso à segunda fileira de banco.

Quando a Fiat lançou a Strada cabine dupla, em 2009, muitas pessoas — inclusive eu, confesso — criticaram a dificuldade que era entrar e sair do banco traseiro. Passaram-se quatro anos, e os engenheiros do centro de Pesquisa e Desenvolvimento Giovanni Agnelli, em Betim (MG) finalmente encontraram e desenvolveram a solução para o problema: uma porta traseira!

Posicionada do lado direito da picape, a terceira porta é praticamente invisível para quem está do lado de fora. Isso porque não há maçaneta externa. Para abri-la é necessário abrir primeiro a porta dianteira, para então alcançar sua bendita maçaneta, que fica embutida no vão da porta traseira, que, por sua vez, abre para trás (tipo suicida).

Como não há coluna central nesse lado da picape, a área de acesso ao banco traseiro foi ampliada em 100% (de 0,5 m2 foi para 1 m2 ). A ausência da coluna B facilitou o entra e sai, mas complicou o posicionamento do cinto de segurança do passageiro da frente. Onde fixa-lo sem comprometer a sua eficiência? Era mais um desafio para as cabeças mirabolantes da equipe de engenharia da Fiat.

Depois de queimar muito fosfato (imagino eu), os engenheiros da montadora italiana optaram por fixa-lo na terceira porta. Com isso, ao abrir a porta traseira, o cinto vai junto, correndo por uma espécie de barra de metal localizada próxima à soleira junto ao banco traseiro. Não chega a atrapalhar a entrada ou saída de quem vai atrás, porém, o ocupante do banco do carona tem que tirar o cinto toda vez que a porta traseira precisar ser aberta.

E para quem ficou preocupado com a segurança por conta da ausência da coluna central, a Fiat garante que todos os cálculos foram feitos no sentido de proporcionar maior rigidez torcional do conjunto e de manter a integridade dos passageiros.

NOVAS LANTERNAS E MAIOR CAÇAMBA

Mas a terceira porta não é a única novidade da linha 2014 da Strada, que começa a chegar às concessionárias Fiat de todo o País. A picape ganhou uma linha de cintura mais elevada e, consequentemente, uma caçamba maior. Com oito centímetros a mais na altura, ela agora oferece um volume de carga ainda mais generoso. Veja a diferença abaixo, nas três configurações:

AUMENTO DA CAÇAMBA
 CABINE CURTACABINE ESTENDIDACABINE DUPLA
CAPACIDADE ATUAL1.100 LITROS800 LITROS580 LITROS
NOVA STRADA1.220 LITROS910 LITROS680 LITROS
GANHO120 LITROS110 LITROS100 LITROS

 

Para combinar com o “bumbum” mais empinadinho, a Strada ganhou novas lanternas, colocadas em uma posição mais elevada, o que deixou a traseira da picape mais harmoniosa e moderna. A única desvantagem foi a perda de parte da visibilidade traseira — e, como o sensor de estacionamento não é de série (vendido apenas como opcional em um pacote), é bom estar atento antes de engatar a ré ao sair de uma vaga, por exemplo, pois pode ter uma moto atrás, impossível de ser visualizada de dentro da picape.

Além das reformulações visuais citadas, uma série de detalhes inéditos, externos e internos, também foi adicionada à linha 2014. São eles: abertura elétrica da tampa do combustível; porta escada; novo vidro traseiro; novo volante para Trekking e Adventure; e novo para-choque dianteiro para a Working.

Com as mudanças, a gama do Fiat Strada 2014 passou por um reajuste nos preços. Veja como era e com ficou:

 VERSÃO ATUALNOVIDADESSTRADA 2014
  

 

STRADA WORKING 1.4 CAB. CURTA

 

 

R$ 32.520,00

NOVO PARA-CHOQUE DIANTEIRO;

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

DUPLO AIRBAG;

FREIOS ABS

 

 

 

R$ 33.750,00

  

STRADA WORKING 1.4 CAB. ESTENDIDA

 

 

R$ 35.670,00

NOVO PARA-CHOQUE DIANTEIRO;

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

DUPLO AIRBAG;

FREIOS ABS

 

 

R$ 36.870,00

  

 

 

STRADA WORKING 1.4 CAB.DUPLA

 

 

R$ 41.280,00

NOVO PARA-CHOQUE DIANTEIRO;

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

3ª PORTA;

ABERTURA ELÉTRICA DA TAMPA DE COMBUSTÍVEL

 

 

R$ 42.330,00

  

 

STRADA TREKKING 1.6 CAB.DUPLA

 

 

R$ 46.560,00

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

AR-CONDICIONADO;

3ª PORTA;

ABERTURA ELÉTRICA DA TAMPA DE COMBUSTÍVEL

  

 

R$ 48.360,00

 

  

 

 

STRADA ADVENTURE 1.8 CAB.ESTENDIDA

 

 

 

R$ 48.980,00

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

RODAS DE LIGA LEVE 16

BANCO DO MOTORISTA COM REG. ALTURA

CHAVE CANIVETE

ABERTURA ELÉTRICA DA TAMPA DE COMBUSTÍVEL

 

 

 

R$ 49.480,00

  

 

STRADA ADVENTURE 1.8 CAB. DUPLA

 

 

R$ 53.210,00

NOVAS LANTERNAS TRASEIRAS;

CAÇAMBA MAIS ELEVADA;

RODAS DE LIGA LEVE 16

BANCO DO MOTORISTA COM REG. ALTURA

CHAVE CANIVETE

3ª PORTA

 

 

R$ 54.360,00

 

MESMA BASE E MOTORIZAÇÃO

Não foi dessa vez que a picape da Fiat foi projetada sob a plataforma do novo Palio, lançado em 2012. A base ainda é a mesma do modelo de 2007, e não há nenhuma novidade com relação à parte mecânica.

O motor de entrada continua sendo o Fire 1.4 Flex, com potência de 85 cv (gasolina) e 86 cv (etanol) e torque de 12,4 kgfm (gasolina) e 12,5 kgfm (etanol). Ele equipa exclusivamente a versão mais em conta, a Working.

O intermediário, exclusivo da versão Trekking, é o propulsor E-torQ 1.6 16V Flex, que desenvolve potência de 115 cv (gasolina) e 117 cv (etanol) e torque de 16,2 kgfm (gasolina) e 16,8 kgfm (etanol).

E, finalmente, a motorização mais possante é a que equipa a versão top de linha Adventure. Com potência de 130 cv (gasolina) e 132 cv (etanol), o propulsor E-torQ 1.8 16V oferece torque de 18,4 kgfm (gasolina) e 18,9 kgfm (etanol).

NOVIDADES NA LISTA DE ACESSÓRIOS

Dos cerca de 40 acessórios oferecidos, alguns são inéditos, como o extensor de caçamba com dupla função (que inclui rampa de acesso) e a nova central multimídia completa com GPS, TV, câmara de ré, DVD player, MP3 e Bluetooth? — ambos da Mopar.

LINHA DO TEMPO: 15 ANOS DE STRADA

1998: Lançamento da Strada, em complementação à família Palio, em três versões: Working 1.5, Trekking 1.6 8V e LX 1.6 16V.

1999: Foi a vez do lançamento da Cabine Estendida, inédita no segmento.

2000: Strada se tornou líder de mercado pela primeira vez.

2001: Primeira reestilização, assinada por Giorgeto Giugiaro, e apresentação da Strada Adventure.

2004: Segunda reestilização, também assinada por Giugiaro. Recebeu novo interior, nova carroceria, novos conteúdos e um motor mais potente, o 1.8 Flex.

2008: Alterações no design que deram à Strada maior tamanho e robustez. Uma das grandes atrações foi a estreia do Locker (diferencial blocante), que foi introduzido para aumentar a capacidade da picape lidar com situações de solo adversas. Ainda em nossos dias, a Strada continua a ser a única picape da categoria a contar com esse tipo de equipamento.

2009: A Fiat inovou mais uma vez. Lançou a primeira e única picape compacta com cabine dupla do Brasil, configuração que não é encontrada em nenhum outro modelo à disposição do mercado.

2011: A Strada recebeu o câmbio robotizado Dualogic® que, logo em seguida, evoluiu para o avançado Dualogic® Plus.

2012: Quarta reestilização da Strada. Foi introduzida uma nova gama de versões que apresentavam o novo design, acabamento interno e diversos conteúdos, além de definir a Strada Working como modelo de entrada da marca no segmento.

2013: Strada ganha novo visual e inova outra vez com a terceira porta.

* A jornalista viajou a convite da Fiat Automóveis do Brasil

Galeria de Fotos

Compartilhe

Deixe o seu comentário