Data: 28/09/2013

Novo Focus chega com design mais atraente e motores flex sem tanquinho, além de itens inéditos

Por: LICINÁIRA BARROSO, de Mendoza, Argentina*

“Eu tenho um Ford Focus”. Se você, com todo o orgulho do mundo, já enchia a boca para dizer essa frase antes, imagine o que fará a nova geração do modelo com o seu ego! Afinal, o Novo Focus ficou não apenas mais bonito, como também mais completo – gente, ele agora até estaciona sozinho! E isso sem falar nos novos motores flex com tecnologias que dispensam o uso do tanquinho!

Exibindo linhas mais dinâmicas e modernas, a terceira geração do Focus começa a chegar às concessionárias Ford de todo o País, nas configurações hatchback e sedan. A primeira tem preço inicial de R$ 60.990,00 e oferece duas opções de motorização flex (Sigma 1.6 Easy-Start e Duratec 2.0 Direct Flex) e duas de câmbio (manual de cinco marchas e sequencial PowerShift de seis). Já o sedan começa em R$ 69.990,00, mas o conjunto mecânico é um só: propulsor 2.0 e transmissão sequencial.

Veja nos quadros abaixo como ficou a gama Focus 2014:

NOVO FOCUS SEDAN
S 2.0 PowerShiftSE 2.0 PowerShiftTITANIUM 2.0 PowerShift
R$ 69.990,00R$ 74.990,00R$ 81.990,00
– Sync Media System com comando de voz- Advance Track- Assistente de partida em rampa

– Aviso de pressão baixa dos pneus

– Controle de torque em curvas

– Airbags laterais- Bancos em couro- Sensor de estacionamento traseiro

– Piloto automático

– Limitador de velocidade

– Faróis de neblina

– Sync Media System com MyFord Touch- Tela touch de 8 polegadas- Sistema de navegação

– Câmera de ré

– Sony Premium Sound (9 alto falantes)

 PACOTE PLUS (+ R$ 3 MIL)– Airbags de cortina– Chave com sensor de presença

– Sensor de chuva

– Acendimento automático dos faróis

– Espelho retrovisor eletrocrômico

– A/C digital e automático (dual zone)

– Retrovisores com rebatimento

PACOTE PLUS (+ R$ 8 MIL)– Faróis de xênon e auxiliares em curvas– Luzes diurnas de LED

– Sistema de estacionamento automático

– Sensor de estacionamento dianteiro

– Banco do motorista com ajuste elétrico em 6 posições

– Teto solar elétrico

 

 

NOVO FOCUS HATCH
S 1.6 manualSE 1.6 manualS 1.6 PowershiftSE 1.6 PowershiftSE 2.0 PowershiftTITANIUM 2.0 Powershift
R$ 60.990R$ 63.990R$ 66.990R$ 69.990R$ 72.990R$ 79.990
– 2 airbags- Freios ABS com EBD- Sync Media System com comando de voz– 4 airbags- Bancos em couro- Sensor de estacionamento traseiro

– Piloto automático

– Faróis de neblina

Itens de série da versão S mais:- Assistência de partida em rampas- Aviso de pressão baixa dos pneus

– Controle de torque em curvas

– Advance Trac

Itens de série da versão SE mais:- Assistência de partida em rampas- Aviso de pressão baixa dos pneus

– Controle de torque em curvas

– Advance Trac

– Rodas de liga leve 17– Sync Media System com My Ford Touch- Sistema de navegação- Câmera de ré
    PACOTE PLUS (+ R$ 3 MIL)Airbags de cortinaChave com sensor de presença

Sensor de chuva

Acendimento automático dos faróis

Espelho retrovisor eletrocrômico

A/C digital e automático (dual zone)

Retrovisores com rebatimento

PACOTE PLUS (+ R$ 8 MIL)Faróis de xênon e auxiliares em curvasLuzes diurnas de LED

Sistema de estacionamento automático

Sensor de estacionamento dianteiro

Banco do motorista com ajuste elétrico em 6 posições

Teto solar elétrico

 

Como você pode conferir nos quadros acima, o Focus recebeu um upgrade em termos de segurança e comodidade. O modelo mais caro, por exemplo, vem com faróis de xênon, luzes diurnas de LED, banco do motorista com ajuste elétrico e até sistema de estacionamento automático (Active Park Assist), que faz baliza, sem a intervenção do motorista, em vagas com espaço mínimo de 20% maior que o comprimento do carro.

E não para por aí! Graças à evolução do SYNC, o comando de voz dos modelos equipados com MyFord Touch, não apenas opera o sistema de climatização, navegação e entretenimento, como também “entende” as necessidades do motorista. Por exemplo, se ele acionar o SYNC e disser “Estou com fome”, a tela do GPS irá mostrar os restaurantes mais próximos. Não é incrível?!

SEM TANQUINHO

Com exceção dos músculos moldados por incansáveis exercícios abdominais, os tanquinhos nunca agradaram e, em breve — e graças a Deus — vão virar peça de museu. Isso porque as montadoras estão investindo cada vez mais pesado em novas tecnologias que dispensam o uso desse reservatório extra de gasolina para os carros flex.

E a Ford tem empenhado em apresentar as melhores soluções. Primeiro lançou o motor Sigma 1.6 com sistema Easy-Start, que aquece o combustível em pré-câmaras de injeção, garantindo uma partida rápida mesmo em condições críticas de temperatura (até -10°C com 100% de etanol no tanque).

E para o Novo Focus, esse mesmo propulsor, recebeu aprimoramentos. Agora, ele conta com duplo comando variável e independente de válvulas, e taxa elevada de compressão. Resultado: melhoria significativa na potência e no consumo, além de maior agilidade nas retomadas de velocidade.

Já com o motor 2.0 Duratec, a Ford foi mais além: eliminou não apenas o tanquinho como também qualquer sistema de pré-aquecimento. Para garantir que o carro dê partida com etanol em temperaturas baixas (até -10°C), o combustível é injetado dentro dos cilindros a uma pressão de até 150 bar, ou seja, cerca de 40 vezes maior que no sistema de injeção PFI convencional.

O avançado sistema de injeção direta trabalha em conjunto com o TiVCT, que sempre ajusta o tempo de válvulas para a melhor configuração possível, entregando a quantidade precisa de combustível dentro da câmera de combustão. Com isso, além de melhorar o desempenho, a nova tecnologia assegura uma economia de combustível ainda maior.

Veja nos quadros abaixo, os consumos e especificações técnicas dos dois motores do Novo Focus:

CONSUMO

MOTOR SIGMA 1.6 EASY-START: CONSUMO
 CIDADEESTRADA
ETANOL7,0 km/l9,3 km/l
GASOLINA10,3 km/l13,7 km/l

 

MOTOR DURATEC 2.0 DIRECT FLEX: MELHOR CONSUMO DE COMBUSTÍVEL
 ETANOLGASOLINA
 CIDADEESTRADACIDADEESTRADA
FOCUS 2.05,7 km/l7,8 km/l8,3 km/l11,3 km/l
NOVO FOCUS 2.0 DIRECT FLEX6.6 km/l8,6 km/l9,6 km/l12,6 km/l

 

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

SIGMA 1.6 EASY-STARTDURATEC 2.0 DIRECT FLEX
POTENCIA135/131 cv (a 6.500 rpm)178/175 cv (a 6.500 rpm)
TORQUE164/159 Nm (a 5.250/3.000 rpm)221/211 Nm (a 4.500 rpm)
PARTIDA A FRIOO sistema eletrônico funciona por aquecimento do combustível em pré-câmaras de injeção e é acionado assim que a porta do veículo é aberta. Isso garante uma partida rápida mesmo em condições críticas de temperatura, de até -10°, com 100% de etanol no tanque.Diferentemente da injeção convencional, o método CCAS (Compressed Crank Assisted Start) auxilia na vaporização do etanol e permite partida rápida em condições críticas de temperatura (até -10°C), mesmo com 100% de etanol no tanque. O motor realiza alguns ciclos de compressão sem a injeção de combustível para aquecer a câmara e os bicos de injeção.

 

DESIGN MAIS ATRAENTE

Não há como negar que o design do novo Focus ficou mais atraente, principalmente na versão sedan (clique nas fotos abaixo e me diga se estou exagerando). Embora não “carregue” o mesmo DNA do Fusion, New Fiesta e EcoSport, o médio da Ford ganhou linhas mais modernas e ousadas, se comparado à geração anterior.

Por dentro, as mudanças também foram positivas. Os bancos agora abraçam os ocupantes, e não há o que reclamar da ergonomia. O acabamento também é de qualidade, com materiais agradáveis ao toque — nada de plásticos duros!

Mas o principal destaque é a central multimídia, que salta aos olhos, principalmente na versão top de linha, com sua tela de colorida de 8 polegadas. Outra alteração interessante foi o formato da alavanca do freio de mão, que agora lembra um manche de avião.

PRIMEIRAS IMPRESSÕES

A apresentação seguida de test drive do Novo Focus para os jornalistas especializados aconteceu na charmosa cidade de Mendoza. Aos pés da Cordilheira dos Andes, tivemos nosso primeiro contato com a versão top de linha do modelo… argentino. Pois é, por questões burocráticas que impedem a importação de veículos já rodados, a Ford não pôde disponibilizar os modelos flex, voltados para o mercado brasileiro.

Enfim, nossas impressões com relação à motorização flex serão dadas em breve, quanto o Focus Flex for para Belo Horizonte, para nossa avaliação de uma semana.

O que pudemos comprovar durante esse primeiro test drive de pouco mais de 140 quilômetros organizado pela Ford na Argentina foi a excepcional dirigibilidade e conforto a bordo do novo Focus. A suspensão, por exemplo, que já era uma referência no Focus, ficou ainda melhor.

Aliada ao controle de torque em curvas (recurso que aumenta a aderência, acionando o freio dianteiro e diminuindo o sub-esterço em curvas), o conjunto de suspensão (independente) proporcionou um rodar seguro, sem sustos, mesmo nos pisos escorregadios.

Nessas horas também pude contar com o sistema AdvanceTrac com controle eletrônico e tração, que manteve o controle do veículo mesmo em manobras evasivas. Por mais que eu “abusasse” na direção, as rodas não derraparam e nem perderam a tração.

A parada final do test drive foi na Bodega Monteviejo, no Vale do Uco, com almoço e degustação de vinhos! Mesmo com o convite de poder apreciar um dos mais saborosos vinhos argentinos, entreguei o Focus já sentindo saudades e contando os dias para reencontrá-lo em BH, só que na versão flex!

* A jornalista viajou a convite da Ford do Brasil

Galeria de Fotos

Compartilhe

Deixe o seu comentário